lingerie atacado

Lingerie, atacado para revenda final: veja 3 boas opções!

Quando dizem que o trabalho tem que gerar prazer, devem estar se referindo à revenda de lingerie (atacado para varejo) ou de produtos eróticos. Veja abaixo por quê trabalhar no ramo e conheça algumas boas opções.

Revender lingerie (ou outras roupas, como moda fitness, calcinha fio dental) é uma ótima opção, inclusive, para quem já trabalha com a chamada venda direta, principalmente de cosméticos (Natura e Avon são exemplos. Infelizmente, a franquia boticário não tem essa opção).

Por que? Ora, você já tem:

  • o público (em geral, feminino),
  • a ocasião de venda e
  • a predisposição da cliente.

Por que não oferecer um extra? Enfim, a menos que as regras para as representantes impeçam a venda paralela de outros produtos, ter uma linha fábrica de lingerie à mão para oferecer é, sim, uma boa ideia como complemento.

Mas não só como complemento, mas também o inverso: a revenda de lingerie como negócio principal e a revenda de cosméticos ou produtos eróticos como extra.

Por que lingerie no atacado?

Porque você compra lingerie barata e depois revende com alto percentual de lucro. Alto? Alto, sim. Vejamos porque:

  1. Hoje, tecidos são muito baratos, até porque a China produz sem parar e a custo irrisório.
  2. Se você pegar uma revenda de uma boa fábrica de lingerie, ela terá fábricas na própria China (mas com design brasileiro, que é o que importa), ou em regiões do Brasil onde a mão-de-obra ainda é barata.
  3. O governo desonerou a contribuição patronal do setor têxtil nacional. Resultado de tudo isso: lingerie no atacado muito barata!

E porque a margem de revenda é alta?

Porque lingerie não é um artigo facilmente comparável, além de ser sujeito a moda.

Comparável é fubá. Você olha o quilo aqui e ali e compra pelo preço, pois é tudo igual. Não comparáveis são produtos muito variados que se torna muito difícil avaliar se o preço está caro, ou barato.
Além disso, em questão de produtos que estão relacionados à beleza, ao prazer e à sensualidade, não há impedimento de valor para ter o produto que pensamos ter combinado melhor com nosso corpo.

Enfim, se sua cliente achar bonito, ela pagará o quanto você pedir. Veja nesse site, como uma lingerie pode ser cara e, ainda assim, chover gente para comprar (por causa do visual provocante): Jugley Intimates.

3 boas opções de negócio de lingerie no atacado

  1. A opção número um é tomar um ônibus até a meca da moda íntima no país: Nova Friburgo. Encher a sacola e voltar. A cidade especializou-se tanto no ramo, que há duas rodoviárias, sendo uma delas mais perto do ponto das vendas de moda íntima, incluindo lingerie.
  2. A segunda opção é escolher uma boa fábrica de lingerie (em geral, de Nova Friburgo mesmo) e procurar se tornar uma distribuidora (inclusive, vendendo para as representantes da ponta). Ou seja, você ainda continua como intermediária, mas não entre a fábrica e a cliente, mas entre a fábrica e as representantes. Nesse caso, a margem é menor, mas, para compensar, o volume de vendas é maior (sua cliente estará mais focada no preço da lingerie do que uma consumidora final).
  3. Escolher boas lojas online voltadas para venda de lingerie por atacado e realizar pedidos para revenda. Mas o que é uma boa loja online para isso? Veja os seguintes itens a serem considerados, sem os quais a loja não é voltada para revendedoras, mas para o público final:
    • A loja possui política de preço e condições diferenciadas para compradoras de lingerie no atacado?
    • A loja possui um catálogo de produtos para auxiliar-te nas vendas?
    • A loja possui uma política de trocas flexível e compreensiva?

Uma boa opção é a Yasmin Lingerie, uma fábrica de Nova Friburgo que tem produtos de qualidade e oferece condições cumulativas de descontos no boleto, frete e preços especiais para revendedoras (é necessário entrar em contato para cotar preços).

Por outro lado, você tem que ficar atenta, pois há sites que não são voltados para revendedoras de lingerie, mas para o público final.

Se você interessou, comece a procurar na internet pois não faltam oportunidades! Que tal você também começar seu negócio de revenda de lingerie?

Lingerie, atacado para revenda final: veja 3 boas opções!
4.11 (82.22%) 9 votes
Gostou do post? Melhor do que tudo que você vê por aí?
Receba GRÁTIS, UMA VEZ por mês, nossas super-dicas.

Comentários em “Lingerie, atacado para revenda final: veja 3 boas opções!

  1. Gostaria de saber qual o valor a ser investido e qual percentual de lucro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *